LIXO URBANO! SAIBA QUAIS SÃO AS SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA O AMBIENTE.
Domingo, 14 de Janeiro de 2018 - Atualizado as 12h34min
Para muitos conhecedores e estudiosos do assunto, o lixo urbano produzido já é considerado o “mal do século” em termos de problemas gerados às populações, todos os dias, empresas, hospitais, indústrias, hotéis, residências e diversos estabelecimentos descartam milhares de toneladas de lixo no meio ambiente. Esses resíduos acabam por poluir não somente o solo, mas também a água e o ar, causando diversos danos ao meio ambiente e ainda gerando problemas de saúde nos seres humanos.
Conheça os principais tipos de lixo e suas consequências para o meio ambiente:
– Lixo orgânico: todos quaisquer resíduos que sejam provenientes de plantas ou animais, e que sejam “biodegradáveis” ou seja, é o termo dado para a decomposição natural de materiais no ambiente, como frutas, legumes, vegetais, carnes, ossos, plantas e flores. Os resíduos orgânicos devem ser devidamente reaproveitados ou encaminhados para a compostagem, que transforma todo esse material em um rico adubo e previne o acúmulo de lixo nos aterros sanitários
 – Lixo eletrônico: espécie de lixo composto por equipamentos eletrônicos como televisões, celulares, computadores e baterias, esse tipo de resíduo tem preocupado cada vez mais os ambientalistas, pois podem vazar e poluir o solo e lençóis freáticos.
– Lixo hospitalar: proveniente de hospitais, farmácias, postos de saúde e clínicas veterinárias, esse tipo de lixo é composto por seringas, vidros de remédios, algodão e gaze usados, e até órgãos. Esses materiais merecem cuidado especial, uma vez que podem propagar doenças graves.
– Lixo industrial: descartado pelo setor industrial, pode conter subprodutos como restos alimentares, madeiras, tecidos, couros, substâncias químicas e diversos outros materiais potencialmente prejudiciais para o meio ambiente e para a saúde.
– Lixo nuclear ou radioativo: produzido por atividades nucleares como projetos de pesquisa, procedimentos de saúde, fabricação de armas nucleares e funcionamento de usinas, esse é um lixo bastante tóxico e potencialmente perigoso. Esses materiais emitem radiação capaz de danificar ou matar as células, estando associado ao câncer e outras doenças graves.
Seja qualquer tipo de lixo, é preciso que as autoridades públicas, prefeituras e comunidade em geral saibam como fazer a destinação final de forma correta dos resíduos sólidos. Os aterros sanitários controlados ainda são as melhores alternativas para a disposição final, garantindo mais qualidade de vida ao planeta.
MFM SOLUÇÕES AMBIENTAIS aterros sanitários em Vilhena, Cacoal e em breve Ji-Paraná – RO.
  • Fonte: Aroldo Tavares
Publicidade
loading... Carregando conteúdo...

Digite aqui seus comentários.

Reload the CAPTCHA codeSpeak the CAPTCHA code
 
Publicidade